Loja Virtual – soluções em tempos de isolamento social

Soluções 2

Compartilhe

As empresas devem começar a buscar novas soluções de vendas online para o comércio eletrônico, se quiserem sobreviver à crise de saúde que já está prejudicando a economia mundial.

O novo coronavírus está mudando completamente o cotidiano de pessoas e empresas. À medida que a incerteza continua crescendo, os consumidores vêem as compras online como um meio confiável e mais seguro de compra. Na Itália, um dos países mais afetados, as vendas online aumentaram até 80%.

Em uma situação em que tudo muda do dia para a noite, as empresas devem ter extrema cautela para tentar manter as vendas.  

O coronavírus está afetando a loja virtual?

As duras medidas tomadas pelos governantes mundiais estão tendo um impacto notável no comércio online. O investimento em publicidade diminuiu devido à desaceleração estabelecida em vários setores.

As lojas online que mais notaram o declínio geral foram as que dependem de seu estabelecimento físico. Os fornecedores não estão entregando pedidos no prazo e várias empresas de logística estão falhando.

 

As empresas estão adotando novas estratégias para aumentar as vendas online 

Em contrapartida, vários setores estão se beneficiando da situação atual e aumentando suas vendas online. Os supermercados viram seu tráfego e as vendas cresceram tremendamente. As pessoas querem estocar alimentos, e por isso que as vendas online dispararam. O confinamento também fez com que a venda de brinquedos se multiplicasse. E a demanda por farmácia dobrou em alguns dias.

Nas próximas semanas, as empresas terão que adotar estratégias de venda na loja virtual contra os efeitos da pandemia.

Para fazer isso, os comerciantes e as lojas de departamento terão que realizar várias campanhas promocionais e de desconto. O importante será recuperar clientes e tentar atrair novos usuários.

 

Estratégias de comércio eletrônico contra coronavírus

Durante essa crise, existem várias ações que você pode executar para minimizar o impacto em seus negócios online. O importante é garantir a cadeia de suprimentos, mas também é preciso manter a qualidade na prestação de serviço ao cliente.

 

1 – Relacionamento próximo com fornecedores

É recomendável monitorar a situação com seus fornecedores e distribuidores locais. Você deve manter-se informado o tempo todo, seja por fontes oficiais ou por fornecedores. Tente manter um bom relacionamento com eles para que a relação seja fortalecida, e você tenha menos surpresas inesperadas.

Agora é uma boa hora para obter informações detalhadas sobre regulamentos e protocolos internacionais para situações de crise. 

A China, por exemplo, mudou vários pontos em sua legislação devido ao impacto do vírus nas comemorações do Ano Novo.

Esteja ciente de que restrições de movimento também acontecem. Nesse caso, muitos trabalhadores não vão poder exercer o seu ofício, o que limita a capacidade da fábrica. É vital que você controle todos os fatores do seu negócio para que não seja o último da fila do seu setor.

 

2 – Aumentar o controle de qualidade

Os rumores sobre a produção das fábricas chinesas estão criando incerteza em muitas lojas online. O ano novo chinês é um período de férias para muitos funcionários e, com esta crise, muitos não voltaram ao trabalho. Isso explica muitos atrasos no envio e na distribuição, pois a produção foi reduzida.

As férias foram prolongadas, “à força”, para muitos funcionários e as fábricas notam essa falta de pessoal. Isso resultou em uma queda na qualidade do produto, a fim de atender a todas as demandas.

Os controles de qualidade foram reduzidos para aumentar a taxa de remessa. Portanto, fique atento e tenha esse cuidado em sua empresa.

 

3 – Inventário sempre bem fornecido

Todas as estratégias de comércio eletrônico, contra o coronavírus, que estão sendo publicadas são válidas, mas devem ser aplicadas adequadamente. Embora muitas fábricas estejam diminuindo a qualidade para manter as remessas, outros fornecedores não optaram por essa estratégia. Nas próximas semanas, os catálogos de fábrica serão reduzidos, portanto é hora de ser proativo.

Alguns fornecedores anunciaram que haverá atrasos visíveis nas rampas de fabricação após o Ano Novo Chinês. Portanto, entre em contato com seus fornecedores para liberar pedidos o mais rápido possível. Se puder, compre uma quantidade maior que o normal, pois não está claro quando a situação será estabilizada.

 

4 – Gerenciar corretamente a taxa de execução de vendas

Em caso de problemas de remessa e estoque, você deve proteger a margem total. Anote as vendas atuais e o estoque atual. Além disso, leve em consideração os possíveis atrasos dos fornecedores e a distribuição de suas vendas.

Com esses dados em mãos, repense suas estratégias de comércio eletrônico e pergunte a si mesmo: quanto tempo posso suportar essa situação em que o mercado está?

É aconselhável ajustar descontos, lançar promoções e preços de todos os seus itens para controlar as vendas. Maximize a margem de estoque que você possui atualmente e garanta um mínimo de remessas para seus clientes.

 

5 – Atendimento ao cliente intensivo e personalizado

As estratégias de comércio eletrônico devem dar grande importância, que certamente surgirão, às preocupações e indagações dos consumidores.

Em momentos de crise é quando você precisa oferecer um atendimento ainda mais próximo e humano. Preparar-se para resolver vários problemas com paciência e muita empatia será a solução por hora.

Recomenda-se fortalecer a equipe de pessoas dedicadas a essa tarefa em sua empresa. Qualquer medida que beneficie o relacionamento com seus consumidores é positiva.

Este departamento deve estar preparado para todas as perguntas que os clientes possam fazer. Por exemplo, atrasos no envio, como recolher encomendas e a segurança de abrir a embalagem.

 

Dicas para aliviar o efeito da crise em sua loja virtual

Para novas estratégias de comércio eletrônico, você deve pensar em oferecer facilidades aos usuários. Nas dicas que você encontrará abaixo, estão as ações que o ajudarão a gerenciar sua comunicação.

 

Promoções especiais

Crie uma campanha extraordinária com preços reduzidos para liberar o estoque que você tem no armazém. Você também pode fazer promoções 2×1 em itens de alta demanda.

 

Adapte seu plano de comunicação

Nessa situação, você pode fazer mais do que pensa por seus seguidores. Mude sua estratégia de mídia social e ofereça conteúdo relacionado ao problema atual. Você pode fornecer informações relevantes ou optar por posts amigáveis que as distraiam de tudo o que está acontecendo.

 

Métodos de pagamento diferenciados

Esta nova crise será um duro golpe para a economia de muitas famílias. Uma maneira de continuar as vendas é oferecer a cobrança no início do mês seguinte. Outra proposta interessante é o financiamento sem juros por um tempo determinado. Você cobrará mais tarde, sim, mas é melhor assim do que não fazer nenhuma venda.

 

Crie novos e-mail marketing

O e-mail marketing ainda é uma ótima ferramenta para espalhar mensagens e promoções. Desenvolva campanhas para promover os novos descontos, além de recomendar seu serviço ao cliente. Da mesma forma, você também pode enviar um e-mail marketing simplesmente com uma mensagem positiva, sem a intenção de vender. Agora é também a hora da união e do fortalecimento do relacionamento com sua comunidade.

Saiba mais informações sobre venda online e o Coronavírus aqui.

 

Compartilhe

nosso time liga pra vc

clica no número e manda um whatsapp!

vendas@wishtech.com.br

ou me escreve, guys

Blog

Vantagens do PIX como pagamento

O PIX é uma novidade de forma de pagamento que vem se tornando realizado em diversos tipos de negócios em todo o Brasil, principalmente por ser uma transação digital de dinheiro, feita instantaneamente e de forma totalmente gratuita. E, devido ao seu sucesso, cada vez mais as pessoas e empresas estão buscando por esta forma

Leia Mais »
Blog

11 Motivos que tornam o Magento o melhor para a sua loja online

Uma das principais mudanças da atualidade é a criação cada vez maior de lojas online, com produtos de todos os tipos que podem ser comprados com facilidade e recebidos rapidamente por seus consumidores. Veja mais sobre Magento o melhor. Mas, por esta ser uma grande novidade deste tipo de comércio, cada vez mais estão surgindo

Leia Mais »
usabilidade que seu e-commerce
Blog

Dicas sobre a usabilidade que seu e-commerce precisa ter

Desenvolver a usabilidade de seu e-commerce tem sido cada vez mais essencial, principalmente devido à concorrência que as lojas têm enfrentado. Este modelo de comércio é considerado muitas vezes uma das opções mais viáveis, principalmente por ser responsável por aumentar de forma completa a taxa de conversão, fazendo com que os clientes tenham uma boa

Leia Mais »
Loja Virtual com Marketplace
Blog

A importância de integrar sua Loja Virtual com Marketplace

Cada vez mais a modalidade marketplace tem se tornado ainda mais importante, principalmente para impulsionar de forma ativa todo o mercado de e-commerce. Veja Loja Virtual com Marketplace. Além disso, quando integramos uma loja já existente com esta plataforma, é realizada uma tendência positiva ainda maior, principalmente dentro do cenário de atacado e varejo no

Leia Mais »